Agências e hotéis ganham novo mecanismo para evitar fraudes

Agências de turismo e os meios de hospedagens ganharam mais mecanismo para evitar fraudes na comercialização de produtos e serviços turísticos em suas redes sociais, com o lançamento de um novo campo, dentro do Cadastur, para a inclusão dos perfis oficiais das redes sociais dos estabelecimentos, como Instagram, Facebook, Twitter, YouTube, WhatsApp e LinkedIn. Para usar, os prestadores precisarão atualizar os seus dados no Cadastur.

“Este é um importante avanço que estamos dando para evitar fraudes neste setor, que já foi tão impactado pela pandemia. A nossa expectativa é de que com esta ação, que é um pleito antigo do trade e dos consumidores, possamos validar a autenticidade dos perfis de empreendimentos turísticos e evitar falsas contratações de serviços”, disse o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

Representantes do trade turístico têm registrado a incidência, cada vez maior, da criação de perfis falsos de empresas de turismo. Agora, antes de adquirir qualquer serviço ou produto turístico de forma online, os turistas poderão conferir no site do Cadastur se aquela rede social é a oficial da empresa.

O presidente executivo do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB), Orlando de Souza, destacou a importância desta ação para a solução deste empecilho do setor. “É uma ação efetiva de um problema que acontece há tempos”, declarou.

0 0 votos
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários