Chapada: Falso Médico é preso em flagrante em Iaçu

Por: Informe Barra

A Polícia Militar de Iaçu, Chapada Diamantina, flagrou um estudante de medicina atendendo no Hospital Valdir Cavalcante Medrado, prescrevendo receitas e administrando medicamentos com o CRM 23565Ba, que pertence ao médico, Dr Filipe Borges de Moraes, na ultima sexta-feira (31).

Após ser informada sobre a atuação do falso médico, a PM se deslocou até a unidade e se deparou com o suposto médico, identificado como 
Felipe Brandão, na sala de descanso, onde o mesmo teria acabado de atender uma senhora, constatado pelo prontuário médico, e em sua mesa estava o carimbo, com o nome do mesmo e o referido CRM.

Foi dado voz de prisão e encaminhado para delegacia para então prosseguir com as medidas cabíveis. Felipe já responde por outros crimes de Falsidade ideológica e até já chegou a ir preso em outra ocasião.
A prefeitura de Iaçu emitiu nota sobre o caso, leia abaixo:

A Prefeitura Municipal de Iaçu, através desta nota, informa que o falso médico preso na tarde desta sexta (31), no Hospital Valdir Cavalcante Medrado, não possui nenhum vínculo empregatício ou contrato com município de Iaçu.


Felipe Brandão, o falso médico, foi apresentado como substituto do plantonista titular que presta serviço ao município e que por uma intercorrência se ausentou.
A empresa responsável pela contratação dos médicos no município já foi notificada e a secretaria de Saúde se colocou à inteira disposição da Polícia Civil, para a rápida retirada desse criminoso do seio da sociedade.


Circula em grupos de aplicativos de mensagens, falsas notícias, motivadas pela ganância, pequenez e crueldade de um pequeno grupo oposicionista que tenta amedrontar a cidade com mentiras e afirmações fantasiosas, visando apenas instaurar o medo em Iaçu e conquistar através de falácias espaço político partidário.

A gestão permanece veementemente repudiando o crime digital (Fake News) e os seus autores, ao tempo que tranquiliza a população e afirma que os profissionais de saúde em Iaçu, são capacitados e credenciados a atuarem em suas funções.

Fomos vítimas de um criminoso, que através do brioso serviço da polícia, já foi retirado de circulação.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*